IND Ao Vivo

Madrugada da IND

Mande um Alô!
0 de 250 caracteres
Cancelar
Notícias

Fique por dentro do que acontece no mundo da Música!

Novos Baianos gravam seu 1º DVD, e Moraes afirma: 'Legado para posteridade'

Postado em 23/03/2017

Compartilhar

Novos Baianos

Eufóricos após participação no Encontro com Fátima Bernardes da última quarta-feira, 15/3, os Novos Baianos faziam festa nos corredores dos Estúdios Globo. Piadas, brincadeiras com o pandeiro e Baby do Brasil cantarolando nos camarins dão uma prévia do clima da gravação do primeiro DVD do icônico grupo de MPB, que acontece nesta sexta-feira, 17/3, no Rio de Janeiro.

"Estamos ansiosos para chegar a hora de sentar o dedo e fazer bonito. Mais do que nunca, estaremos unidos, e quando estamos irmanados, as coisas acontecem muito bem. O DVD é um legado para posteridade", atesta Moraes Moreira, que, além dos clássicos como, “Brasil Pandeiro” e “Preta, Pretinha”, adianta duas novidades do show. "Buscamos ‘Sugesta Geral’, que tiramos do fundo do baú, e ‘Amar-te’, poesia de Galvão que musiquei", completa.

As duas faixas encaminham o papo para o possível álbum de inéditas em 2018. Moraes é cauteloso, mas parece entusiasmado em voltar para estúdio com os velhos amigos.

"Fiz a inédita ‘Bilhete para Tom Zé’ e tenho três ou quatro letras inéditas do Galvão pra musicar", conta ele abastecendo de ansiedade o renovado público do grupo que vem lotando shows desde seu retorno, em maio de 2016.

E a energia da juventude tem feito muito bem aos não tão Novos Baianos. “Apesar da gente regravar os clássicos do lendário ‘Acabou Chorare’ (1972) neste DVD, o lançamento tem um frescor que há muito não via. Um sabor novo para um público que nunca teve a oportunidade de nos assistir”, afirma Paulinho Boca de Cantor.

O La Bouche, como é conhecido entre os amigos de banda, capta o espírito dos novos tempos que eles estão vivendo. Durante a sessão de fotos, reparando a demora de Pepeu e Moraes para pose, ele canta os versos de “Me Libera Nega”, hit do verão de MC Beijinho. É o suficiente para os cinco e seus assessores caírem na gargalhada e Baby orientá-los do seu jeitinho: “Corpo ereto escondendo a barriga, rapaziada! Galvão, tira a mão das partes baixas! ”.

ROCK IN RIO E O GALINHEIRO-ESTÚDIO

Se o disco mais emblemático, “Acabou Chorare”, é a base das apresentações e o tema da roda de conversa, eles desandam a falar sobre suas lembranças dos anos 1970. “Comprei uma TV para ver a Copa. Do nada, ela apareceu quebrada. Os meninos disseram que ela tinha tomado um tombo, quando, na verdade, Pepeu e Moraes a desmontaram e fizeram um pedal caseiro para a guitarra”, diverte-se Baby, que ganha a companhia do ex-marido na nostalgia.

“No sítio, jamais tivemos a vontade de ter galinhas e notamos que o galinheiro tinha uma acústica ótima. Limpamos tudo, metemos uns amplificadores. No lugar de ovos, tínhamos música”, conta ele.

O sucesso da turnê atual e o aclamado encontro de Baby e Pepeu na última edição do Rock in Rio, em 2015, fez crescer a vontade de tocarem no festival criado por Roberto Medina. Pepeu manda logo a letra: “Com todo respeito, chega de Sunset! ”. Moraes não se mostra preocupado e desconversa, enquanto Paulinho e Baby fazem coro para tocarem no Palco Mundo, mas ela joga para galera.

“Seria mais interessante, assim como foi em nosso retorno, que a galera pedisse os Novos Baianos no Rock in Rio”, propõe ela cheia de segundas intenções para mostrar a alegria dos baianos em um dos maiores e mais disputados palcos do mundo.

Últimas
Atualizações

Paola Neves

Curtiu Luan Santana

ALINE MICHELE DA SILVA

Curtiu KC Kevinho

ALINE MICHELE DA SILVA

Curtiu Marília Mendonça

© 2017 RÁDIO IND. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.